Informativo Semanal

Cadastre o seu e-mail para receber uma mensagem semanal.

Menu


Redes Sociais


Vagas de Emprego

Beto Moraes

Videos

Acompanhe o canal do youtube


/depmauromoraes

Segurança



Últimos Projetos

{PROJETOS}

Twitter

19/09/2016

Farda ainda não foi entregue aos policiais em estágio

Leia mais

A capital e vários municípios do interior paranaense vêm recebendo o reforço dos alunos do Curso de Formação de Soldado (CFSd) da Polícia Militar do Paraná para intensificar o policiamento ostensivo em postos estratégicos. Entretanto, as atividades práticas estão sendo realizadas sem a farda, que ainda não foram adquiridas.

Os alunos do CFSd que estão nas ruas para o estágio prático aguardam com ansiedade pela farda, motivo de orgulho e que caracteriza a atividade policial para a população. “O estágio prático e supervisionado é essencial para a formação do policial. Contudo, o uso da farda é parte essencial deste importante exercício”, avalia o presidente da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa, deputado Mauro Moraes.

O parlamentar fez um apelo no início desta semana ao governo do Estado para que alguma medida seja tomada no sentido de evitar que os policiais em estágio saiam ás ruas com o uniforme utilizado por alunos. “Parte do aprendizado é estar ciente da importância da farda”, destaca.
16/09/2016

Moraes preocupado com possível atraso no pagamento de promoção de Soldados

Leia mais

O presidente da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa, deputado Mauro Moraes, faz um apelo ao governo do Estado para que não haja atraso no pagamento das promoções decorrentes da formatura dos alunos do CFSd que ocorrerá em dezembro deste ano. “Isso ocorreu com turmas anteriores e gerou imenso prejuízo e também acúmulo de dívidas com as tropas”, alerta o parlamentar.

Moraes vem cobrando do governo a abertura imediata de um protocolo para garantir a adequação salarial para os Soldados de 1ª Classe logo após a formatura. “Não podemos correr o risco de colocar policiais em atividades na rua apenas com o pagamento da bolsa formação. Além de injusto, é um desestimulo para quem está iniciando a carreira”, comenta.

Além disso, o deputado destaca que muitos alunos já adquiriram dívidas com consignados para garantir o sustendo durante o período de formação. “Qualquer atraso na adequação salarial poderá criar um transtorno financeiro irreparável na vida de nossos policiais”, ressalta.
15/09/2016

Quinquênios e promoções permanecem pendentes

Leia mais

Apesar das promessas de liquidação das dívidas com a Polícia Militar, o pagamento de quinquênios e promoções permanece pendente. “É um direito adquirido pela categoria e que não vem sendo pago”, diz o presidente da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa, deputado Mauro Moraes.

A demora na quitação de dívidas salariais com as forças policiais tem provocado um efeito preocupante nas finanças da família miliciana. “A demora no pagamento vem causando grandes dívidas e prejudicando o desempenho pessoal com preocupações que vão além da atividade profissional”, explica Moraes.

O governo vem sinalizando um novo prazo para zerar tudo o que deve com a PM do Paraná. De acordo com as últimas conversas, a liquidação será feita em janeiro de 2017. “Mas o governo precisa tranquilizar as tropas e apresentar garantias de que fará realmente o pagamento”, sugere o deputado.
14/09/2016

Protocolo para concurso de escrivão completa um ano parado

Leia mais

Delegacias sem escrivães tem prejudicado o andamento de atividades da Polícia Civil. Para repor aposentadorias e também para ampliar o quadro de profissionais para esta função, o Estado prepara um concurso público. Porém, o protocolo para o processo de seleção permanece esquecido há mais de um ano.

Preocupado com a ausência de escrivães em praticamente todas as regiões do Estado, o presidente da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa, deputado Mauro Moraes, vem cobrando do Governo a tramitação do protocolo de abertura de concurso público para o preenchimento de um número mínimo de vagas. “Desde que a discussão em torno da contratação de escrivães foi iniciada, há mais de um ano, era ventilada a inclusão de pelo menos 300 profissionais de imediato. Entretanto, fontes ligadas ao Palácio Iguaçu cogitam uma contratação muito inferior, algo em torno de 80 funcionários”, comenta o parlamentar.

Para dar continuidade ao trâmite do protocolo do concurso, a Secretaria de Estado da Fazenda precisa autorizar sua realização, “o que ainda não ocorreu”, lamenta Moraes.
Sem escrivães, as delegacias sequer conseguem dar andamento a inquéritos policiais, fato que prejudica toda a estrutura da Polícia Civil.
13/09/2016

Reformulação do Estatuto da Polícia Civil permanece pendente

Leia mais

Ainda sem data definida para discussão na Assembleia Legislativa, o projeto de reformulação do Estatuto da Polícia Civil tem preocupado o presidente da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa, deputado Mauro Moraes. De acordo com o parlamentar, o tema é necessário para oxigenar o trabalho da categoria e precisa ser concluído ainda este ano.

“A matéria surgiu a partir do consenso entre a classe e o alto escalão do Governo do Estado. Causa estranheza a demora do envio da proposta para o Poder Legislativo”, comenta o parlamentar.

O último Estatuto é de 1982. “Está completamente defasado”, argumenta o parlamentar, acrescentando que desde o final do ano passado que a Comissão de Segurança vem discutindo sem sucesso com o governo o envio da proposta para discussão no Legislativo. “Muitas datas foram prometidas, mas até agora não há qualquer perspectiva de encaminhamento para a Assembleia Legislativa”, lamenta.
12/09/2016

Ausência de armas para novos policiais preocupa Moraes

Leia mais

Restando pouco menos de três meses para a formatura de 3 mil policiais militares, as armas que serão usadas por soldados de 1ª Classe ainda não foram adquiridas. Para o presidente da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa, deputado Mauro Moraes, o armamento já deveria ser usado no estágio, que terá início ainda neste mês de setembro.

O parlamentar alerta ainda que há grande risco de que armas já rejeitadas pela Polícia Militar sejam distribuídas aos alunos durante o estágio, situação que poderá se estender após a formatura, em dezembro.

“Não há qualquer movimentação para garantir que armas adequadas sejam entregues tanto no período de estágio quanto na pós-formatura”, comenta Moraes.
06/09/2016

PM da capital recebe a primeira remessa de viaturas locadas

Leia mais

As primeiras 50 viaturas policiais que serão locadas para uso da Polícia Militar em Curitiba já se encontram no pátio do Palácio Iguaçu. A entrega oficial ocorrerá dentro de alguns dias. Ao todo, a capital paranaense contará com mais 200 novos veículos para policiamento nos bairros.

A entrega do total de viaturas locadas ocorrerá gradativamente a cada 20 dias. Cada remessa contará com 50 veículos. “Este é o início da recomposição da frota policial. Após a locação, também serão entregues as viaturas compradas diretamente da fabricante”, explica o presidente da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa, deputado Mauro Moraes.

Interior

O interior do Estado também receberá 42 novas viaturas adquiridas através de emenda apresentada pelo deputado Mauro Moraes. A fabricante Renaut já iniciou a produção e a entrega de todos os veículos está prevista para outubro.
31/08/2016

Parceria garante obras importantes para o Xaxim

Leia mais

Graças à parceria bem sucedida entre o deputado Mauro Moraes, o vereador Beto Moraes, os moradores do Xaxim já contam com a revitalização e pavimentação de duas importantes ruas do bairro: Rodolfo Amoedo e Teodomiro Furtado.

As obras reforçam a importância da permanência de lideranças políticas que atuam a favor do bairro e que trabalham por melhorias constantes para a região. “O vereador Beto Moraes é um parlamentar atuante e presente nos bairros. É de fundamental importância termos representantes na Câmara que conhecem a região em que atuam e que trabalham por melhorias essenciais, como estas duas importantes obras”, ressalta o deputado Mauro Moraes.
29/08/2016

Moraes acompanha trabalho policial no interior

Leia mais

Presidente da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa e idealizador do movimento Paraná Sem Violência, o deputado Mauro Moraes percorreu o interior do Estado, neste final de semana, para acompanhar o trabalho das forças policiais e conhecer a estrutura utilizada pelas forças de segurança para combater a criminalidade nas localidades por onde passou.

Durante sua passagem por Telêmaco Borba, Toledo, Floresta, Cianorte e Assis Chateaubriand, o parlamentar ressaltou a importância da descentralização das atividades do Poder Legislativo. “A Comissão de Segurança tem como objetivo conhecer toda a estrutura policial para compreender as demandas de cada região”, destacou o parlamentar.

Moraes também teve a oportunidade de conversar pessoalmente com membros das forças de segurança sobre as estatísticas da violência no interior do Estado. “A redução da criminalidade não depende exclusivamente da ação de policiais, mas sim da estrutura que é oferecida às tropas no combate ao crime”, destacou.
29/08/2016

Lideranças políticas do interior recebem apoio de Moraes

Leia mais

Em mais um roteiro de viagem pelo interior do Paraná, neste final de semana, o deputado Mauro Moraes teve a oportunidade de reunir candidatos a vereador do Estado em vários municípios para declarar seu apoio e iniciar uma caminhada vitoriosa.

O parlamentar percorreu os municípios de Umuarama, Maringá, Sarandi e Toledo, quando teve a oportunidade de apresentar a eleitores e comunidade local nomes importantes para fortalecer a relação da população com o Poder Legislativo.

Em Umuarama, o deputado se reuniu com o candidato a vereador Diemerson Castilho. Em Toledo o apoio foi dado ao candidato Sargento Vanderlei, que disputa uma vaga na Câmara municipal. Moraes também esteve com o vereador Negrão Sorriso, que busca sua reeleição em Maringá. O candidato a vereador em Sarandi, Jonas Dark Filho, também recebeu a visita e o apoio do parlamentar.

Mais notícias ...